20 dez

Perspectivas de melhora para 2017

perspectiva-2017-2

Existem muitas perspectivas de melhora para o mercado imobiliário em 2017. Os fatores que colaboram para esta melhora são: inflação em desaceleração, queda da taxa de juros e crescimento do PIB. Com uma economia mais estável, o mercado imobiliário é influenciado positivamente, já que, assim, os consumidores voltam, também, a ter crédito disponível.

Por meio de uma economia fortalecida e consistente, é possível alcançar inúmeros benefícios, como melhora na confiança e renda do consumidor, baixa inadimplência e aumento da empregabilidade. Todos esses fatores asseguram, de certa forma, requisitos propícios para a aquisição de um imóvel, seja ele comercial ou residencial.

Entre 2015 e 2016, o mercado imobiliário brasileiro viveu um momento com muitas especulações e dúvidas.

Os sinais de uma melhora para o mercado imobiliário virão em 2017 com a desaceleração da inflação, a queda na taxa básica de juros no país e o crescimento do PIB, fatores que vão favorecer a oferta de crédito imobiliário para o consumidor.

De acordo com o BC, a projeção é de que outros indicadores voltem a crescer. Os investimentos devem chegar ao fim de 2017 com uma alta de 4% ante uma queda de 8,7% em 2016. No consumo das famílias, espera-se que mais números positivos sejam apontados: a organização prevê uma alta de 0,8% no próximo ano.

Com isso, as empresas podem colher alguns benefícios. São eles: Melhora na confiança e renda do consumidor, baixa inadimplência, aumento da empregabilidade e crédito imobiliário mais barato.

Com uma economia mais estável, o mercado imobiliário é influenciado positivamente, já que, assim, os consumidores voltam, também, a ter crédito disponível.

Afinal, em um ciclo econômico crescente, há crédito imobiliário mais barato e uma demanda em alta. Quem atua no setor sabe que o aumento de crédito para financiamento de imóvel é uma condição necessária para o avanço do mercado imobiliário no Brasil.

Fonte

Share This:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>